#vaitercachorronapraiasim

O movimento #VaiTerCachorronaPraiaSim começou no Instagram. Um grupo de amigos saiu em defesa de um cão que foi hostilizado por estar na areia da praia. Logo percebemos, que nossa manifestação nāo seria suficiente para solucionar o problema. Resolvemos unir forças e nos informar.
cachorro na areia
Foi com esta foto que o movimento começou!
A médica veterinária da Titi, dra Marcia Baptista, explicou o que é mito ou realidade sobre o bicho geográfico.
A bióloga Gisele Calixto esclareceu sobre o impacto dos cāes no meio ambiente.
A veterinária parasitologista da Fiocruz Renata Pires sempre lutou pelo direito de termos praias que aceitem cães.
O terapeuta comportamental canino Fabio Costa ressaltou os benefícios que a praia traz para a saúde física e mental dos animais.
Ficou constatado que cāo vacinado e vermifugado nāo transmite doenças e que a urina é estéril.
União é a força
Chamamos líderes de grupos cachorreiros para entrar no time e uma advogada.
Assim, de convite em convite, conseguimos um grupo coeso e unido, apaixonado por cāes e por praias, e fomos à luta.
Fizemos pesquisas, analisamos pontos como segurança, constitucionalidade e regras internacionais.
Resultado: elaboramos um Projeto de Lei, baseado no respeito, na segurança e na convivência harmônica entre todos.
O que queremos? Faixas de areia em todas as praias.
cachorro na praia de chapéu e um coco
Respeitando quem nāo quer conviver com nossos cāes, mas também reivindicando nosso direito de tê-los conosco na praia.
Inclusive, com a exigência de porte de carteira de vacinaçāo e vermifugaçāo com multa para quem descumprir as regras.
Quanto a catar as fezes dos cāes, já é lei passível de multa.
Projeto 980/2018
O projeto 980/2018 já está tramitando na Câmara do Rio, representado pelo vereador e Presidente da Comissāo de Direito dos Animais da Câmara, Luiz Carlos Ramos Filho, que nos concedeu Moçāo de Honra e Aplausos pelo trabalho realizado em prol da sociedade e dos animais.
grupo de pessoas posando para foto
O movimento com junto com o vereador e Presidente da Comissāo de Direitos dos Animais, Luiz Carlos Ramos Filho e o subsecretário de bem estar animal, Roberto de Paula
Case de sucesso
O movimento #vaitercachorronapraiasim ajudou a cidade de Natal a conseguir a liberaçāo de cães em suas praias. De acordo com Jacquelie, produtora do PetZoo, ela já lutava há 4 anos e o apoio da hastag nas redes sociais ajudou a conquistar a vitória. Natal se tornou o primeiro local no Brasil a legalizar a permanência de cāes nas praias.
O que foi um projeto local tornou-se nacional. Já temos grupos em Sāo Paulo, Espírito Santo, Recife e Fortaleza.
Viramos uma grande e unida família. Somos pacíficos, mas nāo passivos.
Quando vamos conseguir? Nāo sabemos, mas nāo desistiremos!