Roteiro de Pizzarias

Programinha clássico? Comer pizza no domingo à noite! Nada como fechar o final de semana com chave de ouro, né? Sabe o que é o melhor? Há diversas pizzarias na capital paulista que recebem os pets. E não pensa que são meras desconhecidas. Tem pizzaria de “grife” que faz questão de dizer: somos pet friendly. Nessa coluna, dividimos com vocês as nossas preferidas.

Coluna publicada no Estadão.

Tutta Pizza

A Tutta (Rua Itapacuraí, 267) fica em uma rua sem saída do Morumbi. Para quem mora no bairro, é fácil. Mesmo que você tenha que andar um pouquinho para chegar lá, saiba que valerá a pena. O seu Tutta, que dá o nome à casa, é apaixonado por cães. Todo o salão é liberado para os pets. Inclusive, tem uma caminha e comedouro para eles. As pizzas são fabulosas, sem dúvida uma das melhores da cidade. Sugestão de sabor? Peça pela de atum (grande R$ 68,90). Acredite, é fora de série. 

Frê 

Pelas bandas da Santa Cecília está a Frê (Rua Tupi, 228) que oferece, entre outros pratos, pizzas servidas no prato, de forma individual (Caprese R$ 53,00). Também tem drinks elaborados (gin tônica R$ 39,00) e adora cães. Quer uma prova? Frê é o nome do cão do Fredy, o dono. Toda parte interna é pet friendly. Você pode escolher os sofazinhos da entrada, que têm uma pegada mais romântica ou as mesas na frente do bar. E, claro, a varanda externa, que fica nos fundos da casa e é encantadora. 

Massa na Caveira

Toda a vez que penso na Massa na Caveira (Rua Paulo Maldi, 124), fico com água na boca. A Pizza, de comer com a mão, tem uma massa que parece de bolacha de tão crocante e fininha (grande R$ 68,90). Receita da nona! Só eles sabem fazer. Nunca provei nada nem parecido. Sabe quem é a mascote? A pretinha e serelepe Pizza. Fiel companheira do ex-publicitário e atual pizzaiolo Rapha, é a garota propaganda da casa da zona norte, que obviamente aceita pets na varanda. Quando chove, a cachorrada também pode ficar na parte de dentro.  

Bráz Pizzaria

E o GPS aponta para Perdizes. Escolha uma noite com estrelas e faça check in no charmoso deck da Bráz (Rua Piracuama, 155). Há mesinhas dos dois lados da varanda, que é separada da calçada por um banco. Acomode seu melhor amigo ao seu lado. Sempre sugiro levar um colchonete para ele ficar confortável e saber onde deve permanecer. Depois comece a namorar o cardápio, que é quase um “sofrimento”. Eu sempre peço pela quatro queijos (grande R$ 91,00), afinal, só as boas pizzarias sabem preparar uma 4 formaggi com maestria. A do Brás é magnífica.