1º Pet Open Day

O mercado pet apresenta números que fazem brilhar os olhos de muitos empreendedores. O Brasil divide o podium com grandes potências mundiais como Estados Unidos, Inglaterra e China quando se trata de quantidade de pets e faturamento. É um dos poucos segmentos no Brasil a não sentir a crise provocada pela pandemia. Além de contar com um elemento de extrema importância: o amor pelos pets. E no dia 20 de março teremos o “1º Pet Open Day”.

Mesa Redonda

O afeto dos tutores pelos pets já é comparado com o sentimento que pais têm por filhos. E a pandemia só deixou isso mais forte. Muitas famílias, assim como pessoas que moram sozinhas, adotaram ou compraram um cão ou gato para amenizar a solidão imposta pelo isolamento social.

IBGE 2015

O IBGE de 2015 trouxe um dado que chamou a atenção de muitas startups: há mais animais de estimação nos lares brasileiros do que crianças. Os pets estão tomando o lugar dos filhos humanos? É fato que os casais demoram mais para ter filhos do que antigamente, tem apenas um e, em muitos casos, não têm. O pet pode se tornar o filho único ou ser mais um integrante importante do clã. E quais seriam os motivos? Querem se dedicar mais tempo as carreiras? Prolongar a liberdade? Não abdicar de confortos financeiros que um filho limitaria? Talvez.

Pets VIPs

Porém engana-se quem acha que os pets não demandam cuidados e gastos. Um cachorro ou gato bem cuidado pode representar um valor expressivo no final do mês se receber uma alimentação de qualidade (ração super premium ou alimentação natural com suplementação), antipulgas e vermífugo com regularidade, vacinas anuais, visitas periódicas ao veterinário para check up e emergências pontuais, dog walkers, creche (day cares), adestradores, acessórios (roupinhas, bandana, coleira e guia, enfeites) e produtos como cama e comedouros.

Se eles estão sendo humanizados? Não há dúvidas. Se vivem melhor? É claro. Se são extremamente amados? idem.

Universo Pet Friendly

Outro “mundo” habitado pelos pet lovers e seus fieis companheiros são os estabelecimentos pet friendly. Cada vez mais, tanto restaurantes (e afins) e hotéis recebem mais clientes e hóspedes com pets como tutores buscam locais que possam ir com seus filhos peludos. E nós do Guia Pet Friendly nos dedicamos para que esta relação se fortaleça, pois acreditamos que somos muito mais felizes na companhia de um cão.

Causa: Cris Berger (CEO) e Ella (CEO pet) vivem 24X7 do tempo juntas, fazem absolutamente todas as atividades lado a lado e provam que essa relação é possível.

Se o Guia Pet Friendly nasceu para ser uma referência e fonte de busca de onde é possível ir com um pet, a Universidade Pet Friendly chega para profissionalizar o mercado e assessorar os estabelecimentos. E, também, amparar os pets lovers, para que eles entendam a necessidade de um bom comportamento nos locais.

1º Pet Open Day

Muitas startups surgiram do amor dos humanos pelos pets e de uma ideia que nasceu das suas próprias necessidades. Assim foi com o Guia Pet Friendly. “Quando eu me dei conta que o meu cocker Cozumel estava com 13 anos e eu entrava na contagem regressiva dos seus anos comigo, senti uma necessidade imensa de passar todos os segundos ao lado dele. Foi, então, que usei minha expertise de jornalista e escritora para desbravar locais pet friendly”.

Entretanto, empreender no Brasil não é fácil. E apesar da força do mercado, acertar o produto, a forma de comunicar e a construção de uma comunidade é uma tarefa árdua e corrida de longa distância.

Mesa Redonda

Por isso, quando a Awn nos chamou para fazer parte de uma mesa redonda para discutir os desafios do mercado pet posicionando-se como a primeira aceleradora e venture do Brasil, ficamos curiosos e aceitamos o convite. No dia 20 de março acontece o “1º Pet Open Day”, onde serão selecionadas startups para os programas AWN VENTURES 2021.

O evento será online, através da plataforma Zoom! Faça a inscrição por aqui para receber o link de acesso. Nossa Mesa Redonda acontece às 14h40 e vai até às 15h10. Veja abaixo toda a programação ou pelo site.

Programação

Vamos aprender e dividir experiências?